5 Dicas para aplicar o Storytelling na área de Recursos Humanos

5 Dicas para aplicar o Storytelling na área de Recursos Humanos

Uma área em que o setor de Recursos Humanos claramente pode melhorar é: contar histórias. Faça um experimento: peça à sua equipe: Conte-me sua história, agora!

Verá que geralmente levará um longo tempo para que uma história coerente e convincente seja produzida. Mostrar um plano de cem páginas no PowerPoint é fácil, mas fica difícil se tiverem de resumir o tal plano em cinco minutos, sobretudo por meio de uma história.

Separei algumas dicas, então, para a sua história, que irão lhe auxiliar na gestão de pessoas. Essas dicas são baseadas em conselhos práticos que fazem parte dos meus cursos de Storytelling ou em respostas aos participantes das minhas capacitações ou certificações internacionais. Isto é, são questões bastante universais, abrangendo vários países e situações.

Dicas de Storytelling para Recursos Humanos

recursos humanos
Photographer: Mimi Thian | Source: Unsplash

1. Crie a sua história já sabendo para quem vai falar

Pense no seu público ao criar a história. Mas pense também em você! Quem é você? Quem é a sua equipe – gestão, consultoria, administração, outra? Para que finalidade irá utilizar a história?

2. Atenha-se à regra de três

Divida a história em três partes: "Por quê? / O quê? / Como?" Não precisa reinventar a roda. Histórias divididas em três partes parecem funcionar melhor.

3. Conecte a sua história aos problemas de aqui e agora, o que está se passando no seu departamento, na sua empresa, no seu nicho de mercado.

Uma história de Recursos Humanos atraente aborda uma questão atual. Um problema "comercial", por exemplo, não é o mesmo que um problema de RH. Os problemas de RH podem ser importantes, mas devem estar conectados a um "problema de negócios". A falta de talento não é um problema de negócios. "De que maneira podemos crescer na cidade de Porto Alegre, no Brasil?" Como queremos crescer na cidade de Porto Alegre (como há uma demanda crescente por nossos serviços nessa região), precisaremos de mais talentos na cidade de Porto Alegre. Como podemos encontrar talentos na cidade de Porto Alegre?

4. As histórias são mais convincentes se contêm fatos concretos

"Nos próximos três anos, teremos que ter duzentos novos colaboradores em São Paulo e no Rio" soa melhor do que "teremos de recrutar muitos colaboradores no Brasil".

5. Dê exemplos

Ilustre sua história com exemplos fáceis de entender:

“No ano passado, recrutamos 200 jovens professores pela agência Dinâmica de Pessoas” não seria o melhor opção. Entretanto, se disser: “recrutamos 200 jovens professores pela agência Dinâmica de Pessoas. Depois de um ano, 49 deixaram a empresa educacional. Um bom exemplo é o professor Davi Chiavenato. Davi estudou no Reino Unido e nos EUA, onde fez um MBA antes de retornar ao Brasil para trabalhar conosco. Conversei com ele na semana passada. A principal razão que ele deu para sua partida é que o plano de carreira na nossa empresa não é muito claro. Preferiu a empresa Acme, onde o pacote é comparável, mas eles oferecem um estágio internacional”.

Como explico nos meus cursos, o número cinco é o sete sublinhado, vão mais duas dicas para vocês da área de recursos humanos e gestão de pessoas.

6. Imagine o futuro

Imagine um futuro atraente. “Se fizermos o investimento necessário, em dois anos a nossa Academia Lisboeta de Liderança poderá treinar 400 jovens profissionais por ano. Você já pensou em estagiar em Portugal?”.

7. Não crie uma história muito longa

Surpreenda o seu público, mas seja breve e conciso. Use fotos em vez de descrições, conte a sua história por meio de ilustrações. Belas fotos e ilustrações informativas, poderão fortalecer sua história.

James McSill
James McSill
james@mcsill.com

Um dos consultores de histórias mais bem-sucedidos do mundo, autor, conferencista e filantropo.

Sem Comentários

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Do NOT follow this link or you will be banned from the site!